• CÂMARA DE VEREADORES ABRE ANO LEGISLATIVO
  • PREFEITURA CONTRATA CONSULTORIA JURÍDICA POR QUASE R$ 400 MIL
  • POLÍCIA CIVIL PRENDE ENVOLVIDO EM CHACINA EM PORTO SEGURO
  • FUNCIONÁRIOS DA SANTA CASA INICIAM PARALISAÇÃO POR ATRASO NOS SALÁRIOS

busca por data
fevereiro 2017
D S T Q Q S S
« jan    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728  
mais buscados


PROJETO ANTECIPA PARA SEGUNDAS-FEIRAS FERIADOS EM OUTROS DIAS DA SEMANA

calendarioTramita na Câmara o Projeto de Lei 6708/16, do deputado Laercio Oliveira (SD-SE), que antecipa para as segundas-feiras os feriados que caírem nos demais dias da semana. A proposta excetua os feriados que ocorrerem nos sábados e domingos e os feriados dos dias 1º de janeiro (Confraternização Universal), 7 de setembro (Independência) e 25 de dezembro (Natal).

Segundo o texto, ocorrendo mais de um feriado na semana, eles serão comemorados em dias consecutivos a partir da segunda-feira seguinte.

O objetivo de Laercio Oliveira é “evitar a ocorrência das chamadas ‘pontes’, quando, por exemplo, uma segunda-feira é ‘emendada’ a um feriado que caia em uma terça-feira, provocando a perda de dia útil na semana”.

TRAMITAÇÃO

De caráter conclusivo, a proposta será analisada pelas comissões de Cultura; de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Com informações da Agência Câmara

CONSULTA PÚBLICA SOBRE O ENEM TERMINA HOJE

O prazo para a sociedade brasileira opinar sobre mudanças no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) termina as 23h59 desta sexta-feira (17). A Consulta Pública está no ar desde 18 de janeiro e já tinha 414 mil respostas até as 10h da quinta-feira (9). O prazo foi ampliado devido a grande participação.

São quatro questões. A primeira questiona se a aplicação do Enem deve manter o formato atual, em dois dias, ou ser realizada em apenas um dia, com uma prova de até 100 questões e redação, e 5 horas e 30 minutos de duração. A segunda questão complementa a anterior. Caso o exame continue sendo aplicado em dois dias, ela pergunta aos cidadãos que dias deveriam ser adotados: domingo e segunda-feira (que se tornaria um feriado escolar), dois domingos seguidos ou a manutenção do formato atual, com provas no sábado e domingo. Em todos os casos será mantida a redação.

A terceira questão busca a opinião dos brasileiros sobre a aplicação do Enem por computador. Por fim, a Consulta Pública dá a oportunidade do participante fazer sugestões para o aprimoramento do exame em um texto com, no máximo, 300 caracteres. As perguntas podem ser respondidas pelo portal.

EMPRESÁRIOS DEBATERAM CRIAÇÃO DA REGIÃO METROPOLITANA

Empre

Empresários e representantes de entidades regionais se reuniram em Ilhéus (Foto: Divulgação)

Tema bastante recorrente no Sul da Bahia, a criação da Região Metropolitana foi amplamente debatida entre empresários de Itabuna e Ilhéus, além de representantes de entidades, nesta quarta-feira (15), em Ilhéus. No encontro, promovido pelo Fórum Empresarial da Bahia foi criada uma comissão solicitar do Governo do Estado da Bahia o estudo sobre a R.M. para ser avaliado por um técnico especialista na área.

A ideia, segundo o coordenador do Fórum, José Raimundo é elaborar uma proposta ao Governo do Estado, a partir do estudo técnico, e envolver o setor público e suas demandas locais. O presidente da Associação Comercial de Itabuna, Ronaldo Abude falou que “é preciso união de todos e buscar estudos concretos para consegui realizar a Região Metropolitana em nossa região”.

O debate ganhou força e os representantes de várias instituições apoiaram a iniciativa, a exemplo do Sebrae, CDL e Sindicom de Ilhéus, ACI de Ilhéus e Itabuna, Associação de Turismo de Ilhéus (ATIL), Desenbahia, Fundação Regina Cunha e da Prefeitura de Ilhéus.

COMPROMISSO

O encontro foi também uma oportunidade de reunir a classe empresarial e enfatizar a importância de debater sobre outras demandas locais. “Nós queremos que o empresário tenha o compromisso fora do ambiente de trabalho. Ele precisar ter um papel ativo na sociedade”, revelou Raimundo.

O presidente da ACI de Ilhéus, Antônio Marcos revelou que a reunião foi o momento para uma melhor interação entre os empresários de Ilhéus e Itabuna, em busca do desenvolvimento regional. “A partir daí, buscaremos uma agenda de reivindicações, entre elas a revitalização do aeroporto de Ilhéus”, declarou.

CÂMARA DE VEREADORES ABRE ANO LEGISLATIVO E PERÍODO DE SESSÕES ORDINÁRIAS

Chico Reis (PSDB), instala período ordinário na Câmara. (Foto: Pedro Augusto)

Chico Reis (PSDB), instala período ordinário na Câmara. (Foto: Pedro Augusto)

A Câmara de Vereadores de Itabuna abriu nesta quarta (15) o ano legislativo. Na sessão, o presidente da Casa, eleito para o primeiro biênio da Legislatura (2017-2020), Chico Reis, recebeu das mãos do prefeito o documento com a mensagem aos vereadores e as metas da atual gestão.

Chico Reis informou que as sessões ordinárias e reuniões das comissões ocorrerão sempre às segundas, terças e quartas-feiras. Por conta de convocação extraordinária do Executivo em janeiro, as comissões permanentes da Casa tiveram que ser formadas antecipadamente.

Entre os projetos do executivo, o prefeito revelou a intenção de Parceria Público-Privada (PPP) para o saneamento (água/esgoto). A proposta terá que ser apreciada pelos vereadores. Em 2016, a Câmara rejeitou projeto que visava transferir a gestão da Emasa para o Governo da Bahia.

CHAMADAS DE TELEFONE FIXO PARA MÓVEL FICAM MAIS BARATAS A PARTIR DO DIA 25, DIZ ANATEL

Ligação entre fixo e celular ficam mais baratas (Foto: Marcello Casal Jr)

Ligação entre fixo e celular ficam mais baratas (Foto: Marcello Casal Jr)

Reuters

As tarifas das ligações locais e interurbanas de telefones fixos para móveis terão redução a partir de 25 de fevereiro, informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em nota, citando possibilidade de novos reajustes para baixo até 2019.

Conforme a Anatel, as chamadas locais ficarão entre 16,49 e 19,25 por cento menores, enquanto o valor das ligações interurbanas será reduzido entre 7,05 e 12,01 por cento.

Desde 2016, a Anatel adota o “modelo de custo” no cálculo de tarifas de interconexão cobradas de uma empresa pelo uso da rede de outra, o que a permitiu verificar com maior precisão os valores envolvidos na prestação do serviço, diz a nota.

INSTITUIÇÕES CONVOCAM CANDIDATOS EM LISTA DE ESPERA DO SISU

UESC oferece vagas em 33 cursos de graduação regulares (Foto: Robson Duarte)

UESC oferece vagas em 33 cursos de graduação regulares (Foto: Robson Duarte)

As instituições de ensino convocam a partir de hoje (16) os candidatos da lista de espera do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Estudantes que confirmaram interesse em participar da lista devem acompanhar as informações junto às instituições, já que elas são as responsáveis pela convocação nessa fase.

A lista de espera é válida para os candidatos não selecionados em nenhuma das opções na chamada regular e aqueles selecionados na segunda opção, independentemente de terem efetuado a matrícula. A participação na lista de espera estava restrita à primeira opção de vaga do candidato.

Ao todo, o Sisu ofertou 238.397 vagas em 131 instituições públicas, entre universidades federais e estaduais, institutos federais e instituições estaduais.

O Sisu seleciona os estudantes com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), desde que não tenham tirado nota zero na redação. Cabe a cada instituição definir o cálculo que utilizará para a seleção dos novos alunos. Ao todo, mais de 6,1 milhões fizeram o Enem em 2016.

Com informações da Agência Brasil

PRAZO PARA PAGAMENTO DA TLF TERMINA NESTA SEXTA-FEIRA EM ITABUNA

Termina nesta sexta-feira (17) o prazo final para o pagamento da Taxa de Licenciamento e Funcionamento (TLF) em Itabuna, relativa ao exercício de 2017. Para o contribuinte gerar e emitir o Documento de Arrecadação Municipal (DAM) para o pagamento do tributo, a Secretaria de Fazenda Municipal de Itabuna está disponibilizando, através da internet um link no site da Prefeitura.

Segundo o secretário da Fazenda, Paulo Fontes, no momento da emissão, os contribuintes e/ou contadores deverão estar de posse do número do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e do valor da receita bruta auferida no exercício financeiro de 2016. Ele lembra que o referido valor deve corresponder à realidade.

Conforme do Artigo 159, da Lei Municipal 2.173/2010, a informação do valor indevido acarretará na implementação de ação fiscal para cobrança da diferença apurada, por sua vez, acrescida dos juros e multa de mora, além de penalidade equivalente a 100% do valor do tributo não recolhido. Após o recolhimento da TFF e de posse do documento autenticado, o contribuinte poderá solicitar a emissão da renovação do Alvará de Funcionamento junto ao setor Departamento de Tributos.

POR 9 VOTOS A 1, SUPREMO DECIDE MANTER PRISÃO DE CUNHA

Cunha permanece

Cunha foi preso por determinação do Juiz Sérgio Moro. (Foto: Agência Brasil)

Por 8 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (15) manter a prisão do ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha. O ex-deputado está preso desde outubro do ano passado em um presídio na região metropolitana de Curitiba por determinação do juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato na Justiça Federal.

A Corte julgou nesta tarde recurso protocolado pela defesa de Cunha. Os ministros acompanharam voto proferido pelo relator, ministro Edson Fachin. O ministro entendeu que não houve ilegalidade na decisão de Sérgio Moro.

O entendimento de Fachin foi acompanhado pelos ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber, Luiz Fux, Dias Toffoli, Gilmar Mendes, Celso de Mello e pela presidente, Cármen Lúcia.

Único a votar pela soltura de Cunha, Marco Aurélio criticou a prisão cautelar de investigados na Lava Jato que ainda não foram condenados. Para o ministro, a prisão provisória foi generalizada durante as investigações.

A prisão foi decretada na ação penal em que o deputado cassado é acusado de receber R$ 5 milhões, que foram depositados em contas não declaradas na Suíça. O valor seria oriundo de vantagens indevidas, obtidas com a compra de um campo de petróleo pela Petrobras em Benin, na África. O processo foi aberto pelo Supremo, mas, após a cassação do mandato do parlamentar, a ação foi enviada para o juiz Sérgio Moro porque Cunha perdeu o foro privilegiado. :: LEIA MAIS »

FERNANDO PARTICIPA DA ABERTURA DO ANO LEGISLATIVO EM ITABUNA

Fernando falou s

Prefeito durante abertura do Ano Legislativo na Câmara de Vereadores de Itabuna (Foto: BA24Horas)

A abertura dos trabalhos na Câmara de Vereadores de Itabuna foi oficializada na tarde desta quarta-feira (15), com presença do prefeito Fernando Gomes e secretários municipais. No discurso, que durou cerca de cinquenta minutos,  o prefeito apresentou alguns pontos da mensagem entregue ao legislativo, disse que o município está inadimplente e enfrenta grave crise nas contas.

Logo no início da sessão, o prefeito reafirmou que espera trabalhar junto com o legislativo, respeitando, no entanto, a independência dos poderes. Fernando afirmou que pretende recuperar a Vila Olímpica, construir outras Unidades de Pronto Atendimento (UPA), uma delas no São Caetano e outra na região dos bairros de Fátima e Califórnia, desafogando o pronto atendimento do Hospital de Base.O governo prevê, também, a construção de uma passarela – próximo a ‘Ilha do Jeque’ – e de uma ponte, em local que ainda será estudado.

O prefeito afirmou que, agora, o seu único partido é Itabuna e que por isso ele juntou-se ao governador, que é do PT. Segundo ele, independente do partido, estará ao ao lado de quem quiser ajudar Itabuna.

Fernando falou que a obra da barragem no Rio Colônia, realizada pelo governo do Estado, estará concluída em abril. Sobre o Teatro, o prefeito disse que a obra será reiniciada ainda este ano, em convênio com o governo do Estado e deverá custar em torno de R$ 22 milhões. O Teatro terá 700 lugares.

Entre os projetos do governo está a construção do Parque da Cidade, em uma área de 31 hectares, e a conclusão da Avenida Fernando Gomes, que dá acesso ao Hospital de Base e terá ligação até a fábrica da Trifil.

Outros projetos, segundo o prefeito, preveem a cobertura dos canais dos bairros São Caetano, Califórnia e Santo Antônio, a pavimentação de ruas e a construção de creches.

Por fim, o prefeito disse que negocia a instalação de uma loja da Havan no município.

Veja outros assuntos abordados no discurso do prefeito, divididos por área: :: LEIA MAIS »

SETOR DE SERVIÇOS FECHA 2016 COM QUEDA DE 5%, A MAIOR DESDE 2012

Agência Brasil

O setor de serviços fechou o ano passado com queda acumulada de 5% em relação a 2015 – a maior da série histórica, iniciada em 2012. Esta é a segunda queda consecutiva, tendo em vista que em 2015 o setor já havia fechado com retração de 3,6%.

Os dados fazem parte da Pesquisa Mensal de Serviços e foram divulgados hoje (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Eles mostram que, em dezembro do ano passado, no entanto, o setor fechou com crescimento de 0,6% em relação a novembro (série livre de influências sazonais).

O crescimento de dezembro de 2016 foi o segundo consecutivo, tendo em vista que, em novembro, ainda na série dessazonalizada, o setor havia registrado pequeno crescimento: 0,2%.

Em relação a dezembro de 2015, o setor registrou queda de 5,7%, a maior para o mês de dezembro nessa comparação desde o início da série em 2012. :: LEIA MAIS »

ITABUNA: PREFEITURA CONTRATA CONSULTORIA JURÍDICA POR QUASE R$ 400 MIL

Prefeitura contrata escritório de advogado que fez a defesa de Fernando na campanha eleitoral em Itabuna (Foto: Divulgação)

Prefeitura contrata escritório de advogado que fez a defesa de Fernando na campanha eleitoral em Itabuna (Foto: Divulgação)

O prefeito de Itabuna contratou por meio de inexigibilidade de licitação a consultoria jurídica de dois escritórios de advocacia, um deles tem como sócio o advogado Ademir Ismerin, que fez a defesa de Fernando no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) durante a campanha eleitoral em Itabuna. Os contratos foram assinados no dia 3 de fevereiro e chegam a quase R$ 200 mil reais cada.

Um dos contratos, com a empresa Ismerin Advogados Associados, no valor de R$ 192.000,00, ao custo mensal de R$ 16.000,00, tem como objeto o assessoramento de ações judiciais na 2ª instância, nos Tribunais Superiores e representação perante o Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM/BA), Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE/BA), Tribunal de Contas da União (TCU), Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, Superior Tribunal de Justiça (STJ), Supremo Tribunal Federal (STF) e acompanhamento dos processos a serem ajuizados perante à Justiça Federal.

O outro, firmado com o escritório Vagner Cunha & Advogados Associados, visa a assessoria em ações trabalhistas, na 2ª instância, com representação judicial perante o Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região, nos Tribunais Superiores, Tribunal Superior do Trabalho (TST) e Supremo Tribunal Federal (STF).

Segundo advogados consultados pelo blog, a denúncia é grave, já que a Prefeitura já tem um órgão interno, no caso a Procuradoria Geral, para atender às necessidades do município e deve-se conhecer as circunstâncias de cada contratação, cabendo ao promotor local a instauração, ou não, de um inquérito para investigar o contrato.

LEGALIDADE

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) defende a constitucionalidade do ato. A instituição sustenta que a previsão de inexigibilidade de procedimento licitatório aplica-se aos serviços advocatícios em virtude de se enquadrarem como serviço técnico especializado, cuja singularidade, tecnicidade e capacidade do profissional tornam inviável a realização de licitação.

Em julgado recente, o Supremo Tribunal Federal (STF) analisou a possibilidade de contratação direta de serviços de consultoria jurídica. O acórdão foi relatado pelo ministro Luís Roberto Barroso.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, considerou, através de Recomendação do Conselho Nacional Do Ministério Público que a contratação direta de advogado por inexigibilidade de licitação, por si só, não constitui ato ilícito ou improbo.

De acordo com a recomendação, “aos membros do Ministério Público que, caso entenda irregular a contratação, descreva na eventual ação a ser proposta o descumprimento dos requisitos da Lei de Licitação”.

Veja a publicação do Diário Oficial:

:: LEIA MAIS »

PREFEITURA VAI GASTAR R$ 7 MIL PARA REFORMA DE GABINETE DO PREFEITO

O prefeito de Itabuna Fernando Gomes homologou na última segunda-feira (13) o termo de dispensa de licitação que tem como objeto a prestação de serviço para reforma do gabinete do prefeito. O contrato foi assinado do dia 8 de fevereiro no valor de R$ 7.650,00.

Não é a primeira vez que prefeitos recém-eleitos fazem reformas no gabinete quando assumem o cargo. O prefeito anterior, Claudevane Leite, quando assumiu, também fez a reforma.

Mas o atual governo, apesar de anunciar corte de gastos devido à crise financeira, previu somente para o gabinete do prefeito, entre outras despesas, licitação para aquisição de um veículo de luxo zero km no valor de R$ 96 mil.

diario-reforma

OTTO ALENCAR COMEMORA APROVAÇÃO DA PEC QUE REGULARIZA AS VAQUEJADAS

Proposta considera vaquejada patrimônio imaterial da humanidade (Foto: Setur/Ba)

Proposta considera vaquejada patrimônio imaterial da humanidade (Foto: Setur/Ba)

O Senado aprovou nesta terça-feira (14) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC), de autoria de Otto Alencar (PSD-BA), que permite a realização das vaquejadas, prática que foi considerada inconstitucional em uma recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). O senador baiano comemorou a aprovação da PEC, que agora segue para Câmara dos Deputados.

Otto defendeu prática pela cultura e geração de empregos. Foto: Agência Senado

Otto defendeu prática pela cultura e geração de empregos. Foto: Agência Senado

“Mais do que minha, a aprovação da PEC é a vitória de uma manifestação cultural secular”, disse Otto, que em seu discurso, reafirmou a importância da vaquejada como uma cadeia produtiva, que emprega, entre empregos diretos e indiretos, algo em torno de um milhão de trabalhadores. Otto disse que após a decisão do STF muitas vaquejadas foram canceladas de forma abrupta, causando muitos prejuízos.

De acordo com a PEC, não serão consideradas cruéis as práticas desportivas que utilizem animais, desde que sejam manifestações culturais previstas na Constituição e registradas como integrantes do patrimônio cultural brasileiro. A condição para isso é que sejam regulamentadas em lei específica que garanta o bem-estar dos animais.

O texto foi aprovado pela ampla maioria dos senadores, especialmente do Nordeste. As exceções foram o PT, que liberou a bancada, e a Rede Sustentabilidade, que orientou o voto contrário.

SOFRIMENTO

A líder do PT, senadora Gleisi Hoffman criticou o texto. Para ela, o que a PEC faz é dizer que esportes considerados Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade não causam maus-tratos, ainda que, na prática, causem. Para ela, não se justifica maltratar um animal apenas para a diversão humana.

Gleisi levou fotos ao Plenário e citou os danos causados aos bois que são usados no esporte, como fraturas nas patas, arrancamento de cauda, ruptura de ligamentos e de vasos sanguíneos, e comprometimento da coluna vertebral. Ela também contestou os argumentos de que, se esportes como o MMA machucam humanos, seria normal a vaquejada machucar animais.

“Os seres humanos lutam o MMA, telecatch, boxe porque têm livre arbítrio, porque querem, porque entram na arena para fazê-lo. Não são colocados para fazê-lo sob força, para dar diversão aos seres humanos”, contestou a senadora.

Apenas a Rede Sustentabilidade fechou posição contrária ao texto. O líder do partido no Senado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), leu uma nota em que a Rede critica o esporte. Na nota, o partido afirma que não pode haver cultura no sentido positivo e justo quando se aceita a violência contra os animais. Este seria, de acordo com o texto do partido, o primeiro passo para o desrespeito à vida humana.

CELSO DE MELLO MANTÉM MOREIRA FRANCO COMO MINISTRO E COM FORO PRIVILEGIADO

Moreira Franco foi empossado como ministro no início deste mês (Foto: Divulgação)

Moreira Franco foi empossado como ministro no início deste mês (Foto: Divulgação)

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, indeferiu pedidos de liminar formulados pela Rede Sustentabilidade e pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) que buscavam suspender os efeitos de decreto presidencial que nomeou Wellington Moreira Franco para o cargo de ministro de Estado chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República.

Segundo o ministro, relator dos Mandados de Segurança, a mera outorga da condição de ministro de Estado não garante qualquer imunidade a seu ocupante, e a prerrogativa de foro “não confere qualquer privilégio de ordem pessoal a quem dela seja titular”.

A principal alegação dos partidos é a que de que a nomeação de Moreira Franco configuraria desvio de finalidade, uma vez que teria como objetivo lhe garantir prerrogativa de foro, obstruindo assim as investigações criminais no âmbito da operação Lava-Jato e impedindo a sua prisão.

Segundo Celso de Mello, porém, o ministro de Estado eventualmente sujeito a atos de persecução penal estará sujeito, “como qualquer outro cidadão da República”, às mesmas medidas que outros investigados, como a decretação de prisão cautelar ou preventiva, mandados de busca e apreensão, condução coercitiva e acareação, entre outros. “A investidura de qualquer pessoa no cargo de ministro de Estado não representa obstáculo algum a atos de persecução penal que contra ela venham eventualmente a ser promovidos perante o seu juiz natural, que, por efeito do que determina a própria Constituição (artigo 102, I, alínea ‘c’), é o Supremo Tribunal Federal”, afirmou.

Para o decano, a nomeação de alguém para o cargo de ministro de Estado, desde que preenchidos os requisitos previstos no artigo 87 da Constituição da República, não configura, por si só, desvio de finalidade – que não pode ser presumido. “A prerrogativa de foro não importa em obstrução e, muito menos, em paralisação dos atos de investigação criminal ou de persecução penal”, concluiu.

NOVA FÁBRICA DA DATEN EM ILHÉUS SERÁ INAUGURADA ATÉ JUNHO

Nova fábc

Nova fábrica em Ilhéus: aumento na produção (Foto: Divulgação)

Correio

As obras da nova fábrica da Daten, no Polo de Informática de Ilhéus, entram em sua reta final para ser inaugurada até junho, a tempo de se beneficiar integralmente da retomada da economia brasileira e da esperada recuperação do mercado de PCs (computadores de mesa).

A unidade será mais que três vezes maior que a atual e permitirá um aumento de até 70% na produção, permitindo à empresa aumentar sua presença no varejo, já que até aqui a marca era referência nos segmentos corporativo e governamental. “A abertura de nossa nova unidade fabril será um marco nos 15 anos de história da empresa. Vamos sair de um galpão com área total de 1.700 m² para um espaço com mais de 6.000 m².

Além disso, aumentaremos consideravelmente nossa capacidade de produção anual em cerca de 70%”, afirma Christian Dunce, sócio-diretor da Daten. O investimento na nova fábrica é de R$ 10 milhões. As contas da empresa apontam que as vendas de computadores vão aumentar 5% em 2017 em relação ao ano passado.

parceiros


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia