WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: 6/jun/2017 . 11:08

CIDADÃOS ILHEENSES ANALISAM CONTAS DA CÂMARA DE VEREADORES

Cidadãos analisaram contas de 2016 da Câmara de Ilhéus. Foto: Divulgação

Cidadãos analisaram contas de 2016 da Câmara de Ilhéus. Foto: Divulgação

Uma comissão de voluntários formada por integrantes de diversos setores da sociedade civil de Ilhéus analisou as contas da Câmara de Vereadores de Ilhéus referente ao exercício 2016. Os documentos ficaram disponíveis para consulta de até o dia 1º de junho. A Constituição Federal e a Lei de Acesso a informação garantem que qualquer cidadão pode ter acesso às informações referentes ao recebimento e à destinação dos recursos públicos.

O grupo iniciou as análises no dia 23 de maio, reunindo-se na sala das comissões da Câmara. Após o exame dos documentos, será possível solicitar à Mesa Diretora, por meio de ofício, documentos para complementação da análise. Caso seja necessário, a comissão poderá entrar com representação  junto ao Ministério Público Estadual – Promotoria de Probidade, assim como, no Tribunal de Contas do Município.

A formação da comissão foi capitaneada pelo Instituto Nossa Ilhéus, que anunciou em suas redes sociais e logo foi contatada por interessados em participar dessa vivência. O instituto trabalha com monitoramento do legislativo por meio do projeto pioneiro “De Olho na Câmara de Vereadores”.

EM CLIMA DE INCERTEZA, TSE RETOMA JULGAMENTO DA CHAPA DILMA-TEMER

Plenário do TSE, em Brasília, onde ocorrerá o julgamento da chapa Dilma/Temer (Foto Dida Sampaio)

Plenário do TSE, em Brasília, onde ocorrerá o julgamento da chapa Dilma/Temer (Foto Dida Sampaio)

Estadão

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma nesta terça-feira (6), a partir das 19h, o julgamento que pode cassar a chapa Dilma Rousseff-Michel Temer e afastar o presidente da República. Pela primeira vez, a corte eleitoral julga a cassação de uma chapa presidencial. A análise da ação ocorre em um momento de agravamento da crise política após a divulgação da delação do empresário Joesley Batista, da JBS, que levou à abertura de inquérito no Supremo Tribunal Federal (STF) contra Temer.

Para fazer garantir sua defesa, o presidente instalou um gabinete de crise, no 3.º andar do Palácio do Planalto, e, desde a delação, ampliou o núcleo que o assessora tanto na estratégia jurídica como na política.

O cenário político de agora é diverso do identificado há pouco menos de um mês, quando o governo confiava numa vitória na corte eleitoral. A perspectiva no Planalto era de placar favorável à tese do presidente de que é preciso separar as condutas dele e da ex-companheira de chapa. Diante disso, houve uma guinada na estratégia de protelar ao máximo o processo. :: LEIA MAIS »




junho 2017
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia