WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Polícia’

OFICIAL DE JUSTIÇA MORRE APÓS PERDER CONTROLE DE CARRO E VEÍCULO CAPOTAR NA BA; EX-COLEGA DE TRABALHO FICOU FERIDO

Liraci é ex-funcionário da Ceplac e estava atualmente no TRT-BA. Foto: Reprodução

O oficial de justiça do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-BA), Liraci Ribeiro de Araújo, de 54 anos, morreu nesta terça-feira (10) após perder o controle o carro que dirigia e capotar na estrada principal da sede regional da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), localizada na BR-415. Também estava no veículo o amigo e ex-colega de trabalho, Geraldo Meireles, atualmente chefe do setor de registro pessoal da Ceplac, foi socorrido e está internado no Hospital Calixto Midlej Filho sem risco de morte.

De acordo com as informações, Liraci, que é ex-funcionário da Ceplac, tinha ido ao local para dar carona a Geraldo; ambos também frequentavam a mesma igreja. Os dois haviam almoçado juntos pouco antes do acidente.

Testemunhas disseram que o carro invadiu a pista contrária e, em seguida, saiu da pista e foi parar em meio a uma plantação de cacau, onde capotou. Liraci morreu ainda no local do acidente. Ele era morador de Itabuna, era casado e não tinha filhos. :: LEIA MAIS »

PREFEITURA DE ITABUNA PRORROGA PRAZO DO REFIS

Foto: Divulgação

O prefeito de Itabuna prorrogou, através do decreto 12.703, o prazo do Programa de Recuperação Fiscal – Refis 2017, que permite aos contribuintes em débito com o IPTU, ISS e taxas diversas com o município cujo vencimento tenha ocorrido até 31 de dezembro do ano passado quitarem suas dívidas com o fisco municipal. O prazo termina em 15 de dezembro.

Para o secretário de Fazenda e Planejamento, Moacir Dantas Messias, o Refis oferece facilidades de pagamento ao contribuinte com um desconto de 100% dos juros e multas de mora ou de infração para pagamento integral. Explica ainda que a prorrogação visa beneficiar um número maior de contribuintes em débito com o fisco municipal atenuando assim o impacto da crise econômica que afeta o país e aos municípios.

Ele cita que no caso de parcelamento em seis meses a redução é de 80%; de 60% para 12 meses; 40% num prazo de 24 meses; 30% em 36 meses; 20% em 48 meses e 10% num prazo de 60 meses. O secretário observa que nas negociações de prazos de 48 a 60 meses, os contribuintes devem efetuar um pagamento inicial de 10% do valor do débito negociado. :: LEIA MAIS »

OURO ESCONDIDO POR NUZMAN NA SUÍÇA DARIA PARA PRODUZIR MEDALHAS ATÉ OS JOGOS DE 2028

Carlos Arthur Nuzman na chegada à sede da Polícia Federal, nesta quinta-feira (5). Foto: Gabriel Paiva

O Globo

Nesta quinta-feira (5), na operação que culminou a prisão temporária de Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB, foram descobertas 16 barras de ouro, de 1kg cada, depositadas na Suíça, que, juntas, têm o valor aproximado de R$ 2 milhões.

Tais barras seriam o suficiente para produzir todas as medalhas douradas dos Jogos Olímpicos até 2028. E também poderiam ser produzidas mais de 2.600 medalhas de ouro.

“Enquanto os medalhistas olímpicos sonhavam com as medalhas de ouro, os dirigentes guardavam o ouro na Suíça”, disse Fabiana Schneider, procuradora da República, em coletiva nesta quinta-feira. :: LEIA MAIS »

VEREADORES MIRAM EM SAÍDA POLÍTICA APÓS CORTE DE GRATIFICAÇÃO DOS PROFESSORES

Professores e representantes dos sindicatos acompanharam a sessão na Câmara. Foto: Pedro Augusto.

Os vereadores de Itabuna vão pedir ao prefeito Fernando Gomes, que o governo volte a pagar Atividade Complementar (AC) ​​a todos os professores. A negociação política, proposta levantada por Ronaldão (PMN), “é a saída mais rápida e com menos sequelas para desfazer esse mal-entendido”, declarou Beto Dourado (PSDB) na Comissão de Educação nessa quarta (4). Outras opções citadas foram a apreciação do decreto pelo Plenário e a judicialização do pleito.

O corte de 20% do salário-base, a partir de setembro, afetou 500 docentes, segundo o sindicato da categoria. A presidente do Simpi, Carminha Oliveira, rebateu a motivação do Executivo quanto à extinção da vantagem para professores do 4º ao 9º ano e do EJA. No entendimento do Simpi, o adicional para todos os professores teria amparo legal e respaldo tanto em decisões do Tribunal Superior do Trabalho (TST) quanto da Suprema Corte. :: LEIA MAIS »

ILHÉUS: PRESO NA OPERAÇÃO CITRUS, EX-SECRETÁRIO KÁCIO BRANDÃO SERÁ SOLTO

Foto: Divulgação

O ex-secretário de Desenvolvimento Social de Ilhéus, Kácio Clay Brandão, preso durante a Operação Citrus, teve o pedido de liberdade atendido, em parte, pela justiça, na tarde desta terça-feira (3). Kácio deverá cumprir penas alternativas, mas deixará o presídio Ariston Cardoso, onde se encontra desde o dia 21 de março deste ano. As informações são do site Tabuleiro.

Kácio foi preso em março, ao lado de empresários e do ex-vereador e e ex-secretário Jamil Ocké, durante “Operação Citrus”, que investiga fraudes e superfaturamento em procedimentos licitatórios e contratos realizados pela Prefeitura Municipal de Ilhéus.

Já o ex-vereador Jamil Ocké teve o pedido de soltura aceito pela justiça em agosto.

POLÍCIA FAZ OPERAÇÃO EM PROPRIEDADES INVADIDAS PERTO DA FAZENDA DE GEDDEL

Policiais civis durante operação em fazendas no sul da Bahia. Foto: internauta

A polícia intensificou o policiamento na região de Itapetinga, no Sudoeste baiano, onde um grupo formado por cerca de 100 pessoas realizou novas ocupações e saques a fazendas vizinhas à do ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), e na cidade vizinha de Itaju do Colônia, no Sul baiano, neste domingo (1º). A região está sob tensão desde o dia 23 de setembro, quando a Fazenda Esmeralda, de propriedade de Geddel e familiares, foi ocupada por índios que afirmam que a área é sagrada por haver nela cemitérios indígenas, o que é negado pelos advogados dos Vieira Lima, que já pediram a reintegração de posse na Justiça.

De acordo com o Sindicato Rural das duas cidades, o grupo estava armado e levou diversos objetos de valor das propriedades, como TVs, rádios, celas, arreios, facas e facões, e fizeram de reféns alguns funcionários das propriedades.

Em nota, o comando da PM informou que em Itapetinga “o policiamento foi intensificado com guarnições da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE), da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT) e da 8ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), além de realizar reuniões com a comunidade e atuar com abordagens preventivas nas estradas e rodovias”. “O mesmo está sendo realizado em Itaju do Colônia, com a intensificação do policiamento com guarnições da CIPE, CIPT e 63ª CIPM”. :: LEIA MAIS »

BAHIA VAI RECEBER LOTES DE TORNOZELEIRA ELETRÔNICA

Foto: Divulgação/Gov. Goiás

A Tarde

As medidas cautelares aplicadas pelo Poder Judiciário baiano para evitar a prisão preventiva agora poderão ser monitoradas por tornozeleiras eletrônicas. A previsão é que os equipamentos estejam disponíveis para uso no dia 1º de outubro.

Entre outras, a limitação de saída de casa nos finais de semana, recolhimento domiciliar noturno, proibição de se aproximar de uma possível vítima e prisão domiciliar são algumas determinações que podem ser impostas pelos magistrados.

A estimativa é do juiz Antônio Faiçal, coordenador do Núcleo de Prisão em Flagrante, onde, durante as audiências de custódias, os presos são ouvidos e têm o destino deles traçado.

Os equipamentos, que até então não existiam no sistema prisional do estado, já começaram a chegar na capital baiana desde a semana passada. :: LEIA MAIS »

MARCELO NILO É ALVO DE OPERAÇÃO DA PF QUE INVESTIGA CRIME DE FALSIDADE ELEITORAL

Ex-presidente da ALBA, Marcelo Nilo é principal alvo da Operação Opinião. Foto: Wilker Porto

A Polícia Federal e o Ministério Público Eleitoral deflagraram nesta quarta-feira (13) a Operação Opinião, com o objetivo de investigar a prática de crime de falsidade eleitoral envolvendo a empresa Bahia Pesquisa e Estatística LTDA – Babesp, que pertence ao deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo.

Estão sendo cumpridos 7 mandados de busca e apreensão em endereços em Salvador, dentre eles a residência e gabinete de Marcelo Nilo, bem como endereços de seu genro e do sócio da Babesp. Os policiais estiveram também na sede de uma empresa de comunicação e na Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz), no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

Por meio de nota, a Sefaz informou que não é alvo da operação e que os mandados foram direcionados a um técnico administrativo do quadro efetivo da secretaria. “O servidor é lotado na área administrativa e não exerce nenhum cargo de confiança, direção ou assessoramento na Secretaria. A orientação da Sefaz é a de colaborar com as investigações, acompanhar os seus desdobramentos e, caso necessário, tomar as providências cabíveis”.

Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE/BA), com base em representação formulada pela Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE/BA). :: LEIA MAIS »

PF PRENDE WESLEY BATISTA, IRMÃO DE JOESLEY E UM DOS DONOS DA JBS

Wesley Batista (foto) e o irmão Joesley são acusados de utilizar informação privilegiada de delação para obter lucros financeirospf. Foto: Paulo Fridman / Bloomberg

Reuters

A Polícia Federal prendeu nesta quarta-feira (13) o empresário Wesley Batista, presidente-executivo da JBS, em São Paulo, como parte de uma investigação sobre suspeita de que executivos do grupo se aproveitaram de informação privilegiada em decorrência dos próprios acordos de delação premiada para obter lucros no mercado financeiro.

Também foi decretada pela Justiça Federal de São Paulo a prisão de Joesley Batista, irmão de Wesley, que, no entanto, já está detido desde o fim de semana por decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin.

Segundo a PF, foram expedidos ainda dois mandados de busca e apreensão. :: LEIA MAIS »

PM PRENDE 4 COM DROGAS, ARMA DE FOGO E VEÍCULOS ROUBADOS EM ILHÉUS

Foto: Divulgação

A Polícia Militar apreendeu veículos roubados e prendeu quatro pessoas com drogas e arma de fogo em Ilhéus. A ação foi resultado de uma operação conjunta da 68º, 69ª e 70ª CIPM, às 6h desta terça-feira (12), com o objetivo de combater os roubos de veículos e o tráfico de drogas na cidade.

Durante as diligências, um homem foragido do Conjunto Penal de Itabuna foi preso na Rua Carneiro da Rocha, no Centro, com uma pistola calibre 380, quatro carregadores, 115 munições, quatro celulares, dois relógios, uma balança eletrônica, um binóculo, 252g de maconha, 6g de cocaína, uma máquina de cartão, um par de rádio comunicador, e dois pendrives.

Em sequência das diligências, foram localizados e recuperados na Rua 1, bairro Joia do Atlântico, dois Fiats Strada de cor branca, um Renault Clio cinza, além de 28 cartuchos calibre .40 e objetos e documentos também roubados.

Por último, dois homens e uma mulher foram flagrados com um tablete de maconha prensada com 577g, um aparelho celular, além de outro veículo roubado, um Gol de cor prata, em uma residência, na Rua Itacanoeira, bairro Morada do Porto.

Os conduzidos e todo material apreendido foram apresentados na 7ª COORPIN.

PF FAZ BUSCAS NA CASA DE MARCELO MILLER E EXECUTIVOS DA J&F, DIZ JORNAL

Ex-procurador Marcelo Miller na sexta-feira (8), no Rio. Foto: Fabio Motta/Estadão

A Polícia Federal faz buscas nesta segunda-feira (11), na casa do ex-procurador da República Marcelo Miller na Lagoa, no Rio. Ele é suspeito de fazer jogo duplo em favor da J&F. As informações são do Estadão.

Agentes cumprem quatro mandados de busca também em São Paulo. Dois alvos são as casas dos empresários Joesley Batista e de Ricardo Saud. Outro é a sede da J&F. O quarto é a casa do advogado Francisco Assis, delator da JBS.

Marcelo Miller teve a prisão requerida pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. A custódia foi negada pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal.

Fachin ordenou a prisão dos empresários Joesley Batista e Ricardo Saud, da J&F, por violação do acordo de colaboração premiada. Os dois se entregaram na sede da Superintendência Regional da Polícia Federal em São Paulo, no domingo, 10.

Saud foi o primeiro a chegar. Por volta de 14h, Joesley, que partiu da casa do seu pai, nos Jardins, chegou. Ambos chegaram à PF em carros particulares.

JOESLEY E SAUD SE ENTREGAM À PF EM SÃO PAULO APÓS FACHIN SUSPENDER BENEFÍCIOS DE DELAÇÃO

Joesley Batista chega à sede da PF em São Paulo, após prisão decretada. Foto: Nelson Antoine/AP

Reuters

Os delatores da J&F Joesley Batista e Ricardo Saud se entregaram à Polícia Federal em São Paulo neste domingo (10) após a determinação de prisão temporária pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin.

Fachin determinou ainda a suspensão dos benefícios da colaboração firmada por ambos ao afirmar que os elementos apresentados pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, indicam que os delatores entregaram provas de maneira “parcial e seletiva”. Entretanto, ele negou pedido para deter o ex-procurador da República Marcelo Miller.

O prazo inicial da prisão temporária é de cinco dias, podendo ser estendida por decisão do magistrado. O advogado de Joesley e Saud, Pierpaolo Bottini, que informou que eles se entregaram à PF, explicou que ambos devem ir na segunda-feira para Brasília. :: LEIA MAIS »

DIRETOR DA DEFESA CIVIL DE SALVADOR LIGADO A GEDDEL É EXONERADO PELA PREFEITURA

Prisão de Gustavo Ferraz foi autorizada pela justiça apos PF identificar digitais em dinheiro apreendido. Foto Adilton Venegeroles | Ag. A TARDE00

A Tarde

Gustavo Ferraz foi exonerado do cargo de coordenador-geral da Defesa Civil de Salvador (Codesal) após ser preso pela Polícia Federal, na manhã desta sexta-feira, 8. A informação foi divulgada pela assessoria da Prefeitura de Salvador.

“A Prefeitura de Salvador não compactua com nenhum ato ilícito e qualquer servidor municipal envolvido em questões dessa natureza terá que responder na justiça”, disse o órgão municipal em nota.

Prisão

Ferraz foi detido durante a quarta fase da Operação Cui Bono, que também deteve o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB). A ação acontece após a apreensão de R$ 51 milhões em um apartamento supostamente ligado ao político baiano. :: LEIA MAIS »

GEDDEL É CONDUZIDO PELA PF APÓS PEDIDO DE PRISÃO PREVENTIVA DO MPF

Geddel deixa prédio em viatura da PF. Foto: Reprodução/TV Bahia

A Tarde

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) foi levado por policiais federais do apartamento no condomínio Pedra do Valle, que fica na rua Plínio Moscoso, no Jardim Apipema, em Salvador, onde mora. A condução do político baiano acontece após o pedido de prisão preventiva do Ministério Público Federal (MPF). A ação é coordenada pela superintendência da PF em Brasília.

O peemedebista saiu do edifício sentado no banco traseiro de uma viatura logo depois de agentes chegarem em seu imóvel. Ele foi levado para uma área do Aeroporto Internacional de Salvador. De lá, Geddel deve será levado para Brasília. Ainda não há informações se ele deve conduzido para o Complexo Penitenciário da Papuda, onde já esteve preso, ou para sede da PF.

Pessoas que estavam na rua comemoraram a ação da Polícia Federal, na manhã desta sexta: “Vai para a Papuda”. Um vendedor ambulante, que estava na rua, foi convidado a acompanhar o trabalho da PF.

Alguns agentes continuaram no prédio. A PF realiza a ação após a apreensão de R$ 51 milhões em um apartamento que seria ligado a Geddel.

De acordo com a PF, foram encontradas digitais do ex-ministro nas caixas e malas que guardavam a fortuna dentro do imóvel.

:: LEIA MAIS »

JANOT DENUNCIA LULA, DILMA E OUTROS INTEGRANTES DO PT POR ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

Segundo a acusação, houve a prática de crimes como cartel, corrupção e lavagem, em especial contra a administração pública.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou ao Supremo Tribunal Federal integrantes do núcleo político do PT (Partido dos Trabalhadores) por organização criminosa com atuação durante o período em que Lula e Dilma Roussef foram presidentes da República, para a prática de crimes como cartel, corrupção e lavagem, em especial contra a administração pública. Também são acusados Antonio Palocci, Guido Mantega, Gleisi Hoffmann, Paulo Bernardo Silva, João Vaccari Neto e Edinho da Silva.

Segundo a denúncia, os crimes teriam sido praticados pelo menos desde meados de 2002 até 12 de maio de 2016, voltados especialmente para o recebimento de propina no valor de R$ 1,485 bilhão, por meio da utilização de órgãos públicos como a Petrobras, o Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG). Para dar uma noção do prejuízo aos cofres públicos, a peça cita acórdão do Tribunal de Contas da União (TCU) que estimou prejuízos da ordem de R$ 29 bilhões só no âmbito da Petrobras.

O procurador-geral da República afirma que, por meio da negociação espúria de cargos públicos, os denunciados contribuíram para recebimento de propina nos valores de, pelo menos, R$ 390 milhões para o núcleo político do PP, R$ 864 milhões ao PMDB do Senado Federal e R$ 350 milhões ao PMDB da Câmara.

Janot informa que, além de praticar infrações penais no Brasil, a organização criminosa adquiriu caráter transnacional, o que pode ser demonstrado, principalmente, por dois de seus mecanismos de lavagem de dinheiro: transferências bancárias internacionais, na maioria das vezes com o mascaramento em três ou mais níveis para distanciar a origem dos valores; e a aquisição de instituição financeira com sede no exterior, com o objetivo de controlar as práticas de compliance e, assim, dificultar o trabalho das autoridades. :: LEIA MAIS »

Sorry. No data so far.




fevereiro 2018
D S T Q Q S S
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia