WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia

:: ‘Salvador’

GOVERNO ANUNCIA RECURSOS PARA SEGUNDO TRECHO DO BRT DE SALVADOR

Segundo trecho do BRT ligará a região da Lapa com a região de Iguatemi. Foto: Divulgação/ Pref. Salvador

Nesta segunda-feira (31) o ministro das Cidades, Bruno Araújo, participou da assinatura do contrato para disponibilização dos recursos da segunda etapa de obras do BRT (Bus Rapid Transit), que ligará a região da Lapa com a região de Iguatemi, na capital baiana, Salvador.

O projeto, aprovado pelo Ministério das Cidades, contará com o aporte de R$ 412 milhões, sendo R$ 300 milhões do Orçamento Geral da União (OGU) e R$ 112 milhões do Programa de Financiamento das Contrapartidas do CPAC.

“Essa obra do BRT, que reúne mais de R$ 400 milhões no primeiro trecho e mais R$ 400 milhões no segundo trecho, é a maior obra de mobilidade com recursos de OGU que nós assinamos no governo Temer.” :: LEIA MAIS »

PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA SE REÚNEM EM SALVADOR

Durante o encontro, Salvador ganhará o título de Capital da Cultura da CPLP. Foto: Ministério do Turismo

Durante o encontro, Salvador ganhará o título de Capital da Cultura da CPLP. Foto: Ministério do Turismo

Entre os dias 4 e 5 de maio acontece a X Reunião de Ministros da Cultura da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), em Salvador (BA). Além da participação do Ministério da Cultura do Brasil, o encontro contará com a presença dos ministros de Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe, além de representantes de Guiné Equatorial e Timor-Leste.

“Vamos trabalhar para que estes encontros não sejam apenas de confraternização, mas de intercâmbios efetivos entre os países, um espaço para afirmação da cultura de cada um”, afirma o ministro da Cultura brasileiro, Roberto Freire.

Na ocasião, os ministros terão a oportunidade de debater temas como audiovisual – programa de maior êxito no âmbito da CPLP –, patrimônio cultural, língua portuguesa e a revisão do Plano Estratégico de Cooperação Cultural Multilateral da CPLP.

Encontro

O encontro será precedido por uma reunião preparatória, a 5° Reunião de Pontos Focais de Cultura, realizada ao longo da quinta-feira (4), quando paralelamente também ocorrerão reuniões bilaterais entre ministros para negociação de acordos.

A reunião dos ministros da Cultura da CPLP ocorre a cada dois anos e é organizada pelo país que detém a presidência do Bloco, desde que haja quórum mínimo de seis países para sua realização.

Durante o encontro, Salvador ganhará o título de Capital da Cultura da CPLP. A cidade foi escolhida, pelo Ministério da Cultura, por ter sido a primeira capital do Brasil, além de ser importante ponto de confluência de culturas europeias, africanas e ameríndias e um centro de difusão da língua portuguesa nas mais variadas manifestações culturais. :: LEIA MAIS »

SALVADOR COMPLETA 468 ANOS COM NOVE DIAS DE FESTA

Salvador completa 468 anos com nove dias de festa. Foto: Divulgação/Embratur

Salvador foi fundada em 1549. Cidade foi a primeira capital do país. Foto: Divulgação/Embratur

Nove dias de festejos repletos de música, teatro, exposições e arte de rua. Assim será celebrado o aniversário da capital da Bahia, Salvador, que completou 468 anos nesta quarta-feira (29).

As comemorações começaram no sábado (25) e seguem até o próximo domingo (2). Boa parte dos eventos ocorre no corredor turístico do Rio Vermelho, Ribeira e Pelourinho, entre outros bairros, além de igrejas e espaços culturais.

Uma batalha de rappers e o festival de grafiteiros completam a diversidade da arte urbana e o colorido da festa de todos os sons e tons baianos. Além disso, na Casa do Benin, espaço de cultura negra, no Pelourinho, a exposição “Telas da Cidade” retrata Salvador e seus encantos.

ATRATIVOS BAIANOS

Entre os vários charmes de Salvador estão as “baianas de acarajé”, patrimônio imaterial e símbolo da Bahia. Elas têm um encontro marcado com os turistas em praticamente todas as esquinas e atrativos da cidade, como no Mercado Modelo. O local é um dos principais atrativos da Cidade Baixa e, atualmente, é o maior mercado de artesanato da Bahia.

Na Cidade Alta, ligada à parte baixa por outro símbolo do turismo de Salvador – o Elevador Lacerda – fica o Pelourinho, área reconhecida pela Unesco como Patrimônio da Humanidade, que se destaca pela arquitetura colonial e igrejas barrocas com mais de 800 prédios tombados.

Outro destaque é a gastronomia e a música de raízes africanas, sendo palco de um dos maiores carnavais do mundo. Mais da metade da população de Salvador é de origem negra.

A religião também é uma característica marcante da cidade, que é o centro do culto aos orixás no Brasil e tem no seu roteiro turístico o Dique do Tororó. No local, o visitante se depara com estátuas gigantes sobre o espelho d’água representando divindades do candomblé.

As festas de Nosso Senhor do Bonfim, no alto da Colina Sagrada, na Península de Itapagipe, e de Iemanjá, na Praia do Rio Vermelho, também estão no roteiro de quem visita Salvador nos meses de janeiro e fevereiro, respectivamente, ambas marcadas pelo sincretismo religioso.

Por causa de toda essa diversidade, Salvador é considerada uma terra alegre, bonita e rica, tanto pelos seus tesouros (palácios coloniais, igrejas e conventos) como pela exuberância da natureza na Baía de Todos os Santos. Uma terra mística, berço da capoeira, da história e da diversidade cultural do Brasil.

HISTÓRIA

Fundada em 1549 por Tomé de Sousa, primeiro governador-geral do Brasil, a cidade foi a primeira capital da colônia até 1763. No local de desembarque, na Praia do Porto da Barra, está o “Marco da Fundação da Cidade”.

Com um litoral margeado pelas águas da Baía e do Oceano Atlântico, Salvador ostenta 50 quilômetros de praias, entre elas, Farol da Barra, Itapuã e Jardim de Alá. A maioria tem águas calmas e mornas, ideais para natação, vela, mergulho e pesca submarina. Em um mesmo dia, o turista pode ir à praia, passear de barco entre as ilhas da Baía de Todos os Santos e visitar os belos atrativos históricos.

TREMOR SENTIDO NA BAHIA NÃO FOI ABALO SÍSMICO, DIZ USP

Relatos sobre trepidações foram registrados em várias regiões da capital baiana. Foto: Divulgação

Relatos sobre trepidações foram registrados em várias regiões da capital baiana. Foto: Divulgação

O Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP) divulgou nota afirmando que os abalos e trepidações, relatados por diversos moradores de Salvador neste domingo (26), não foram causados por tremor de terra.

De acordo os especialistas, caso as vibrações tivessem sido causadas por um tremor de terra, o tamanho da área de percepção (em um raio de aproximadamente 20 km) indicaria uma magnitude de pelo menos 3 na escala Richter.

“Nenhuma das estações da Rede Sismográfica Brasileira (RSBR) registrou qualquer sinal que pudesse ser associado a um abalo sísmico em Salvador. Um tremor de magnitude 3 seria bem registrado até centenas de km de distância”, informou o Centro de Sismologia.

Os abalos e trepidações ainda não têm uma causa conhecidas, mas uma possível linha de investigação sugerida é a quebra de barreira do som por jatos da força aérea nacional.

GOVERNO ARRECADA R$ 3,72 BILHÕES COM LEILÃO DE AEROPORTOS

Aeroporto de Salvador foi um dos quatro leiloados nesta quinta-feira (Foto: Alan Tiago Alves/G1)

Aeroporto de Salvador foi um dos quatro leiloados nesta quinta-feira (Foto: Alan Tiago Alves/G1)

O leilão dos aeroportos de Fortaleza (CE), Salvador (BA), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS) garantiu ao governo uma arrecadação de R$ 3,72 bilhões em todo o período da concessão, cerca de 23% acima do valor esperado pelo governo de R$ 3,014 bilhões. O ágio (valor extra) está bem abaixo dos valores praticados nas primeiras rodadas de concessão de aeroportos.

Os lances mínimos foram fixados com base em 25% do valor da outorga e esses valores terão que ser pagos no momento da assinatura do contrato. O governo garantiu uma arrecadação para esta etapa no valor de R$ 1,46 bilhão, o que representa um ágio de quase 100% sobre o mínimo estabelecido pelo edital (R$ 753 milhões).

AEROPORTO DE SALVADOR

O Aeroporto Internacional de Salvador Deputado Luís Eduardo Magalhães será administrado pela francesa Vinci Airports, um dos maiores grupos de construção e concessões da Europa, que opera atualmente 35 aeroportos no mundo.
A companhia terá que lidar com inúmeros problemas no terminal da capital baiana, como banheiros com mau cheiro, mal funcionamento do ar-condicionado e wi-fi, lojas fechadas, escadas rolantes quebradas, entre outros.
Este ano, uma pesquisa do Ministério dos Transportes apontou o aeroporto de Salvador como o pior do país.

Com informações do G1.

SALVADOR É A SEGUNDA CAPITAL MAIS VIOLENTA

Foto: Arquivo/Agência Brasil

Foto: Arquivo/Agência Brasil

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgou hoje (30) o 9º Anuário Brasileiro de Segurança Pública. O levantamento mostra que 43 pessoas morrem por dia vítimas de violência nas capitais brasileiras. Salvador é a segunda capital em números absolutos homicídios.

Na capital baiana foram registradas 1.397 mortes, o que significa uma taxa de 48,1 assassinatos por 100 mil habitantes. Em 2013, a cidade teve 1.485 crimes e taxa de 51,5 por 100 mil habitantes.

A maior quantidade de assassinatos em 2014 foi em Fortaleza, com 1.989 casos – queda de 1% em relação a 2013, quando o número alcançou 1.993. A cidade também registra a maior taxa de mortes intencionais por 100 mil habitantes – 73,3.

Em 2014, crimes como homicídio doloso, latrocínio e lesão corporal seguida de morte vitimaram 15.932 pessoas nas 27 capitais. O número é ligeiramente maior (0,8%) do que os 15.804 registrados em 2013.

Informações da Agência Brasil

MULHER ACUSADA DE CHAMAR FUNCIONÁRIO DE MACACO É POLICIAL CIVIL

Policial civil se escondeu dentro de loja após clientes se revoltarem com atitudes (Foto: Angeluci Figueiredo)

Policial civil se escondeu dentro de loja após clientes se revoltarem com atitudes (Foto: Angeluci Figueiredo)

Correio

A mulher acusada de chamar os funcionários de uma loja no Shopping Barra de macacos foi identificada como a policial civil Núzia Santos de Aquino, 49 anos. Ela é investigadora e estava em licença premium, aguardando a aposentadoria, segundo informações da assessoria da Polícia Civil.

Núzia está na corporação há 15 anos e tem um histórico de afastamentos por problemas psicológicos, segundo a polícia. Ela não tem filhos e a Corregedoria está tentando encontrar familiares para entender o que pode ter acontecido. Além do inquérito policial, será aberto um procedimento administrativo disciplinar para investigar o caso.

De acordo com a polícia, após ser levada para a Central de Flagrantes, Núzia foi encaminhada para a Corregedoria da Polícia Civil, onde permanece detida na manhã desta quarta-feira (30) . Nesta manhã, ela apresentou sinais de que está deprimida, e chegou a afirmar que queria se matar. A policial disse ainda que é acompanhada por um psiquiatra. :: LEIA MAIS »

DEPUTADOS VÊM A ITABUNA E SALVADOR PARA DISCUTIR VIOLÊNCIA CONTRA JOVENS

violencia2A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara dos Deputados que investiga a violência contra jovens negros e pobres realiza audiências em Itabuna e Salvador na próxima semana. Na capital, o assunto será tratado pelos parlamentares nesta segunda-feira, 11, das 9 às 13 horas, na Assembleia Legislativa.  Já no próximo dia 15, às 15 h, a CPI estará na Câmara Municipal de Itabuna. A informação é do deputado federal Davidson Magalhães (PCdoB/BA), que fará parte da comitiva, também integrada pelos deputados Reginaldo Lopes (PT/MG), Rosângela Gomes (PRB/RJ), João Carlos Bacelar (PTN/BA) e Bebeto (PSB/BA).

Os índices da violência na Bahia triplicaram nas últimas duas décadas e Salvador é hoje a quinta capital mais violenta do Brasil. Dos vinte municípios mais violentos do país, nove são baianos: Mata de São João, Simões Filho, Lauro de Freitas, Porto Seguro, Eunápolis, Itabuna, Ilhéus, Teixeira Freitas e Valença.

Os dados do Mapa da Violência-2014, do sociólogo e coordenador da Área de Estudos da Violência da Faculdade Latino-Americana de Ciências, Julio Jacobo Waiselfisz, revelam uma situação de guerra. A cada ano, morrem 60 mil pessoas vítimas de homicídios, a maioria delas jovens e negros.

Em 2012, o Brasil teve 56.337 vítimas. Destes, 30.072 eram jovens entre 15 a 29 anos. Neste universo, 93% são do sexo masculino, 77% são negros e pobres.  No mesmo ano, nos 40 conflitos armados no mundo, morreram 37.992 pessoas, somando os mortos de guerra no Oriente Médio, passando pela África até o Cáucaso.

De acordo com o estudo Mapa da Violência-2014, os motivos desse absurdo incremento de mortes são três: a sensação de impunidade, a cultura da violência e a segurança institucional.  “São nestes três aspectos que a CPI deve mirar sua ação, aliada à voz da sociedade, que não pode mais se calar”, afirma Davidson Magalhães.

ESCRITORES DA REGIÃO LANÇAM LIVROS EM SALVADOR

Manuela Berbert está entre os escritores que participam do lançamento

Manuela Berbert está entre os escritores que participam do lançamento

Escritores da região cacaueira e do sertão da Bahia participam de noite de lançamento em Salvador, nesta sexta-feira, a partir das 18h30, na Livraria Porto dos Livros, no Porto da Barra. Trata-se de uma promoção da editora Mondrongo que busca, segundo seu diretor, Gustavo Felicíssimo, “promover e dar maior visibilidade às obras dos autores por ela publicados”. Serão apresentados cinco livros de gêneros diversificados, como poesia, contos e crônicas.

Um dos livros de poesia é “O Silêncio & As Palavras”, de Marcos Luedy, natural de Itajuípe. Outra obra do mesmo gênero tem a autoria de Geraldo Lavigne de Lemos, de Ilhéus, e é composta de dois livros, intitulados “Amenidades” e “Alguma sinceridade”, reunidos em um só volume. Há ainda dois livros são de contos: “Ferramentas dos deuses”, de Fábio Bahia, natural da cidade de Cipó, situada no sertão baiano, e “Despedidas de mim”, da itabunense Juliana Soledade.

O quinto livro que fará parte do lançamento em Salvador é “A vida tem dessas coisas”, da jornalista e publicitária Manuela Berbert, que é também natural de Itabuna. A publicação reúne crônicas bem humoradas que permeiam o universo feminino.

Todos os livros estarão à venda por valores promocionais, que variam entre 25 e 30 reais.

BANDIDOS ARROMBAM CAIXA EM MERCADO

assalto

A Tarde

Cerca de seis homens renderam um vigilante e arrombaram um caixa eletrônico do Banco do Brasil, localizada no Supermercado Bom Preço, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador, na madrugada desta terça-feira, 3.

Na ação criminosa, que aconteceu por volta das 3h20, segundo a Superintendência de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Stelecom), os assaltantes usaram maçaricos para conseguir violar a estrutura do terminal bancário.

Ainda de acordo com a Stelecom, o vigilante, que não teve o nome informado, acabou sendo levado para o banheiro, onde foi amarrado enquanto os assaltantes arrombaram o caixa. Ele permaneceu preso por cerca de 3 horas. O vigilante só foi liberado após a chegada da polícia e não ficou ferido.

Leia mais

HOSPITAL COLOCA CORPO EM BANHEIRO DOS PACIENTES

corpoCorreio

Com problemas de hérnia de disco e úlcera, seu Jarbas*, 67 anos, está internado em uma das muitas macas amontoadas nos corredores do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) e precisa da ajuda de uma familiar para se higienizar no banheiro da unidade, que fica próximo à segunda porta da Emergência Adulto. No domingo, quando a parente levou  seu Jarbas para o banho, teve uma surpresa.

“Tinha um paciente morto!”, contou Ana*, a parente do idoso.  Do lado esquerdo da entrada, sobre uma maca, havia um cadáver, coberto com um lençol descartável. E essa não foi a única vez que seu Jarbas teve que se limpar com o corpo como companhia.  “Hoje (ontem) de manhã foi a mesma coisa”, desabafou Ana*.

O sanitário é usado por muitos dos pacientes internados improvisadamente nos corredores. O aposentado Pedro Santos Mota, 61, viu a mesma cena ao levar a irmã, uma dona de casa com um tumor na cabeça, para tomar banho.

Leia mais

PREFEITURA DE ILHÉUS DEFENDE CÓDIGO TRIBUTÁRIO

A Prefeitura de Ilhéus vai à luta em defesa de seu Código Tributário, questionado por contribuintes, pela oposição na Câmara de Vereadores e pela subseção local da OAB. A queixa é de que houve uma elevação absurda no valor de alguns impostos, notadamente do IPTU.

Em nota distribuída nesta segunda, o governo menciona decisões anteriores do judiciário, como no caso de Salvador, onde situações semelhantes à de Ilhéus tiveram o tratamento favorável ao fisco.

O entendimento do lado que cobra o tributo é o de que o caso da terra da Gabriela é idêntico ao da capital e haveria até uma vantagem para os contribuintes, visto que, para efeito de cobrança do IPTU, os imóveis da cidade são avaliados por 30% de seu valor venal.

A ideia é demonstrar o seguinte: a coisa não está boa, mas poderia ser pior.

Clique abaixo para ler a nota.

:: LEIA MAIS »

CULTURA AFRO ENCANTA CARNAVAL DE SALVADOR

Filhas de Gandhy - Foto Jamile Menezes

Filhas de Gandhy – Foto Jamile Menezes

A segunda-feira (16) de Carnaval foi marcada pela presença da cultura afro nos três circuitos – Osmar, Dodô e Batatinha. Ao todo, cerca de 20 entidades afro, afoxé, samba e de reggae desfilaram garantindo a diversidade do Carnaval. No Batatinha, a animação ficou por conta dos blocos ‘O Mangue e Carnapelô’, que desfilaram com os instrumentos no chão, lembrando os antigos carnavais e arrastando centenas de pessoas. Elas dançaram empolgadas e pedindo mais.

Primeiro a desfilar, o ‘Carnapelô’ surgiu em 1996, a partir de reuniões de amigos. O Mangue, que surgiu no bairro de Cajazeiras, homenageou o lendário sambista Walmir Lima. Para Rogério Lima, responsável pelo bloco e pelo grupo que puxa a entidade Bambeia, o nome parte de um estilo de vida, no qual os músicos produzem a partir da célula rítmica do samba de roda.

“Nós tentamos resgatar a matriz africana na musicalidade, por meio da nossa referência ao Candomblé e Umbanda”, explicou o músico, que cantou canções em yorubá durante o trajeto do desfile. Os blocos de afoxés também animaram o circuito. O ‘Laroyê Arriba’ levou este ano para o circuito Batatinha muito ijexá e samba de roda, com a banda Laroyê, com o tema é ‘O ogó, a ferramenta de Exu’, que representa o falo e principal símbolo do Orixá. O Afoxé Filhos de Korin-Efan reuniu cerca de 500 pessoas e homenageou a rainha das águas doces, Oxum. Mas o destaque da entidade é o seu retorno à avenida, após um ano afastado, por conta do falecimento do fundador, Mestre Erenilton.

Os afoxés também foram ao circuito da Barra, como a ‘Afoxé Filhas de Gandhy’, que celebra 36 carnavais como primeiro afoxé feminino do Brasil. Desfilou com o tema ‘A Índia de Gandhy sob o olhar da Bahia?’, sob o comando da cantora Savannah Lima e a banda 70Samba. Eles comandaram as foliãs vestidas com o tradicional branco e azul, seguindo o exemplo dos Filhos de Gandhy e seus dez mil homens, que, na segunda-feira desfilam no circuito Dodô.

Além desses, o Muzenza do Reggae e o Malê Debalê também levaram seus respectivos gingados e tambores para perto da praia, no penúltimo dia de folia. ‘Outros blocos afro precisam desfilar na Barra para mostrar que podemos estar em todos os locais’, disse Suanni Consuelo, que foi atrás dos blocos na Barra.

PM PARTICIPA DE CAMPANHA CONTRA A DISCRIMINAÇÃO

Este ano, durante a maior festa de rua do planeta, mais de 20 policiais militares observam ações discriminatórias e distribuem informativos para sensibilizar os foliões sobre o combate às ações de discriminações raciais, homofóbicas e de violência contra a mulher.

Diversas equipes de policiais militares e agentes da Secretaria Municipal da Reparação (Semur) atuam durante 24 horas na observação e prestação de serviços para atender ocorrências envolvendo vítimas de discriminação nos três circuitos do Carnaval baiano.

O diretor de Comunicação Social da PM, coronel Gilson Santiago, destaca a importância da atuação conjunta e do respeito à igualdade e à diversidade no Carnaval da Bahia. “É uma parceria exitosa e que devemos aperfeiçoá-la para que nos próximos carnavais tenhamos um melhor padrão de respeito e de conscientização dos próprios policiais na sua atuação”, ressaltou.

GOVERNADOR PARTICIPA DA FOLIA NO CAMPO GRANDE

governador na folia

O governador Rui Costa esteve no camarote do Governo da Bahia, no circuito Osmar (Campo Grande), na tarde deste domingo (15), após a coletiva de balanço do Carnaval realizada no Hotel Sheraton.

Ele chegou ao local acompanhado do Rei Momo, da rainha e das princesas da folia. Além de receber autoridades e amigos, ele acompanhou a passagem de trios e foi saudado por artistas como Ivete Sangalo e Márcio Vitor, do Psirico.

Sorry. No data so far.




agosto 2017
D S T Q Q S S
« jul    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia